Circuito Lotus 2016 e 1 ano de blog!!!

Padrão

Gente!!! Dia 10 de agosto o blog fez 1 aninho de Vida Saudável e eu esqueci, hahaha! Passou tão rápido que nem me dei conta que em Agosto de 2015 eu fiz o primeiro post sobre minha luta contra a obesidade: Quem é a Marília e por que ela não pode parar?

BOLO

Quero esse bolo JÁ

E foi o início de muuuitos posts, fotos, pesquisas, receitas ÓTIMAS e receitas #FAIL, hahaha! Muitas corridas, eventos, novos amigos, amigas, abertura de instagram, abertura de loja virtual, tudo com muito amor e dedicação. O blog era um pequeno projeto que virou uma das coisas que mais gosto de fazer atualmente. Minha vida gira em torno dessa “vida saudável” sobre a qual tanto falo aqui. Eu acordo vivendo isso, meu trabalho inclui isso… é da hora que acordo até a hora que vou dormir. E acho que nunca fui tão feliz e realizada.

O blog foi a forma que encontrei de me motivar, depois que muitas metas já tinham sido atingidas. E se tornou um canal onde posso ajudar pessoas que passaram/passam por momentos difíceis e querem dar a volta por cima, ou simplesmente querem uma vida mais saudável e feliz. Vocês não tem idéia de quanta gente conheci através do Marília não pode parar! e quantos amigos antigos se reaproximaram, quantas oportunidades tive, quantos momentos inesquecíveis passei. ISSO TUDO EM APENAS UM ANO!!!

Quero agradecer a quem me acompanha aqui, no instagram @marilianaopodeparar e no meu insta pessoal @marilialib (me adicionem, coloco muuuita coisa da rotina por lá, e agora no instasnap também!), quem gosta de comprar na minha lojinha fitness @lovelibestore, quem me acompanha no Facebook – Marília Lib e na vida em geral.

Mudando de assunto, este domingo corri o Circuito Lotus 2016, na distância de 10k. É uma prova exclusivamente feminina, e foi uma corrida muitooooo bacana, que muita gente querida participou e foi a estréia de algumas amigas nas pistas!!! O preço foi muito convidativo, menos de 30 reais e kit justo. Fizeram um percurso diferente nos arredores do Jockey e isso fez a prova ser ainda mais bacana. Hidratação super ok, kit pós prova também, foi tudo muito bom!

Prova cheia mas sem aglomerações, me preparei muuuito bem pra essa prova. Fiz um tratamento com uns remédios por uns 3 meses e acho que isso me derrubou um pouco o desempenho anterior nas provas, porque no domingo consegui correr como corria antes. Sem morrer de cansaço, sem quebrar, sem me sentir exausta… bati meu recorde pessoal nos 10k, 1h12min. Fiquei muito, mas muito satisfeita.

Dormi muuuito bem na noite anterior à prova. Comi duas crepiocas antes de correr, uma com recheio doce e outra com salgado. Uma hora antes da prova tomei uma boa quantidade de maltodextrina diluída em água (em breve falarei sobre a Malto aqui no blog). Acho que o segredo é esse mesmo: dormir BEM, comer BEM. E foco, sempre.

Foi uma prova muito legal, e esse final de semana tem Venus. Minha inscrição de é 10k, mas se estiver bem acho que encaro uns 15, quem sabe? Nã0 pode parar!!!

Mês 2 – Desafio dos 3 meses: menos 12kg em dupla!

Padrão

Dia 27 de junho, eu e meu namorado Ale resolvemos fazer um desafio para perder peso e algumas outras metas em 3 meses, sabendo que em dupla poderíamos ter mais motivação. Estamos nos divertindo muito e trocando muuuitas dicas, opiniões, está bem legal!!!

Pois bem, esse final de semana fizemos 2 meses de desafio! Mês passado foi um sucesso, quem quiser ler está aqui o post: https://marilianaopodeparar.wordpress.com/2016/07/25/mes-1-desafio-dos-3-meses-menos-12kg-em-dupla/

Esse mês foi um pooouco mais complicado. Fiquei doente por umas 2 semanas e a dieta teve que mudar. Não adianta restringir a dieta enquanto se está doente, o corpo PRECISA de comida. Mas mesmo assim tive excelentes resultados:

Marília

Peso: Menos 1,7kg!!! (ao todo, menos 5,7kg)
Percentual de gordura: 44,0% (ao todo, menos 3,4%!!!)
Percentual de massa muscular: 27,6% (ao todo, mais 1,6%)
E menos 1 cm de cintura (ao todo, menos 7cm de cinturaaaa!!!)

e o Ale também arrasou:

Ale

Peso: Igual (ao todo, menos 1,1kg, lembrando que o objetivo dele não era tanto perder peso, mas sim ganhar massa e condicionamento)
Percentual de gordura: 19,4% (ao todo, menos 2,6%)
Percentual de massa muscular: 41,9% (ao todo, mais 1,4%)
e esse mês ele perdeu 2 cm de cintura!!!

Sucesso??? Pode apostar que sim!!! É muito legal ter resultados juntos. Nas últimas semanas a gente cometeu uma ou outra extravagânciazinha aqui e ali (rodízio de pizza e outback, pra ser mais exata), mas levamos tudo no bom humor. O desafio é pra motivar, não pra eliminar nossa vida social. Comemoramos com amigos e nos divertimos muito. O peso não aumentou e estamos felizes.

Nos últimos dias, muuuuita gente veio me falar que tinha notado que eu tinha perdido peso. Eu também notei, minhas roupas notaram, rsrs… E devo muito disso ao treino intervalado de corrida e a batata doce. Sim, funciona mesmo, gente. A gordura abdominal diminuiu horrores e meu corpo secou bem. Alguns posts atrás eu falei que ia testar os benefícios e de fato, são reais. Invistam nela!!!

14192607_1290171594326163_1431067687001858864_n

Antes e depois: de obesa a corredora amadora

Esse final de semana corri 10k no Circuito Lotus, amanhã falarei sobre como foi a prova, com 5,7kg a menos!!!

E você? Já escolheu como vai fazer pra mudar de vida? Chame alguém pra fazer um desafio com você! Com certeza você conhece alguém que está precisando de uma mudança, de um incentivo, seja um incentivador!!! Seja alguém motivado, porque de acomodados o mundo tá cheio e de desculpas, então… nem se fala!!! Eu mesma fui acomodada por ANOS, engordando sem perceber, colocando minha saúde em risco… tive que passar mal, desmaiar, adquirir refluxo, gastrite, passar pelo fim de um relacionamento de muitos ano e de uma demissão pra cair a ficha! Não espere tudo isso acontecer com você, tome a dianteira da sua vida!!! E não pare!!!

 

A importância da respiração durante a corrida

Padrão

Oi pessoal!

Uma dúvida que muitos corredores têm é sobre a respiração na corrida. Perdi a conta de quantas pessoas ouvi falarem que queriam muitoooo correr, mas não conseguiam distâncias longas porque depois de determinado tempo, sentiam que iam “morrer”, sem fôlego, não conseguindo respirar direito… e posso dizer que isso é mais comum do que parece e que eu mesma passei por isso quando comecei (e ainda passo!).

Lembro que antes da mudança definitiva de hábitos, quando ainda estava obesa, fiz algumas tentativas de correr no parque, e lembro que não conseguia correr 2 minutos direto porque meu fôlego acabava e não conseguia recuperar, isso me assustou muito no início, tinha medo de desmaiar.

Massss, o tempo é sábio e com muita paciência e os treinos de iniciante (falei sobre isso no post: Corrida para iniciantes), acabei melhorando um pouco, mas tinha muuuitas dificuldades ao chegar no 3km (por volta de 20 minutos correndo sem parar). Passando dele, a corrida fluía que era uma maravilha, mas durante uns 2 ou 3 minutos eu ficava mal, sofria, parecia que o corpo entrava em curto circuito, rsrs. Resolvi procurar algumas técnicas de respiração e aplicá-las a meus treinos e corridas.

Aos 18 anos comecei a praticar Yoga e lembro que minha instrutora era muito específica quanto a respiração: a respiração é TUDO na vida de uma pessoa. O seu corpo precisa de um combustível essencial e o nome dele é OXIGÊNIO. Se você não respira direito, o oxigênio até faz o corpo funcionar, mas se você consegue uma respiração intensa e profunda, otimiza seu funcionamento. Levei isso pra vida e sempre que posso, tento respirar fundo e fazer meditação focada na respiração (fiz até um curso sobre isso no CEBB, que fica aqui em São Paulo e ensina técnicas de meditação).

Mas ainda tinha dúvidas se respirar da forma que respirava era a correta para as corridas. Sempre via pessoas inspirando pelo nariz e soltando pela boca, ou fazendo tudo pela boca mesmo. Resolvi me informar mais, segue um texto bem interessante sobre isso:

“E o que significa respirar corretamente? Significa respirar da forma mais natural possível, seguindo as necessidades do corpo.

Teoricamente, a melhor forma de respirar é pelo nariz, pois o ar entra nos pulmões aquecido e filtrado. Porém, durante a corrida, dependendo do nível de condicionamento do praticante e da intensidade, muitas vezes é necessário usar a boca tanto na inspiração, para permitir uma maior entrada de oxigênio, como na expiração, para uma maior liberação de dióxido de carbono.

Sendo assim, combine inspirações e expirações pelo nariz e pela boca de acordo com a necessidade do seu corpo.

Mas, existe uma técnica comprovada que pode melhorar a captação do ar e aumentar a oferta de oxigênio para os músculos e melhorar o desempenho. Tal técnica é a respiração abdominal ou diafragmática. 

O diafragma é um músculo que separa as cavidades torácica e abdominal. Quando inspiramos, este músculo se contrai empurrando o conteúdo abdominal para baixo, aumentando desta forma a capacidade torácica. Neste processo, o ar tende a entrar nos pulmões para compensar o vazio gerado. E quando ele relaxa, o ar é expelido. Mas, para que este padrão se torne automático, é preciso praticar.

Outro aspecto a ser abordado é a importância de estabelecer um ritmo respiratório, a fim de obter e eliminar constantemente a quantidade ideal de ar. Uma boa forma de encontrar este ritmo é coordenar a respiração com os passos da corrida. Para isso, existem algumas técnicas de sucesso utilizadas pelos corredores mais experientes, como por exemplo, estabelecer o ritmo 2:2 (inspirar durante 2 passos e expirar durante 2 passos), 3:3 (inspirar durante 3 passos e expirar durante 3 passos), 3:2 (inspirar durante 3 passos e expirar durante 2 passos) ou 2:1 (inspirar durante 2 passos e expirar durante 1 passo).”

FONTE: http://www.bodytech.com.br/Blog/14-11-18/performance/qual-a-respiracao-correta-na-corrida

Em teoria isso é bem simples, mas na prática requer um nível de concentração enooooorme. Imagina você correndo na rua, prestando atenção na pisada, nas pessoas em volta, no ritmo, e além disso na respiração? Pois é, como tudo nesse vida, requer muito treino e foco. Eu passei meses aprimorando isso na esteira, que dispensa outras “atenções”, criando um ritmo confortável pra mim e deu muito certo. Por volta do momento crítico dos 3km, eu respiro profundamente pelo diafragma, fazendo o ar entrar profundamente pelo nariz várias vezes, quase num suspiro.

É MUITO DIFÍCIL, porque o corpo não pede respirações profundas por conta dos batimentos acelerados do coração, mas com muito treino, isso se torna normal e a sensação de alívio vem de uma forma deliciosa depois de alguns minutos e torna o ritmo mais confortável. Não vou dizer que consigo fazer isso 100% das vezes que corro, as vezes estou nervosa, nariz entupido, ou esqueço mesmo, mas tento lembrar sempre.

pedido_101744_foto_1

Foto da Night Run

Que tal tentar prestar atenção na respiração na hora de correr? E no dia-a-dia mesmo, ajuda muito no controle da ansiedade e das emoções!!!

 

Liquida Lovelibe no Enjoei!!!

Padrão

Oi pessoal!

Estou liquidando as últimas peças da primeira coleção da minha loja de roupas fitness Lovelibe! Foi um grande sucesso e essa semana ainda entro com a nova coleção que está de BABAR, linda demais!!!

Por enquanto, aproveite os precinhos amygos da Lovelibe, produtos entre R$12 a R$29!!!

https://www.enjoei.com.br/marilialib

Tem Short Saia, Leggings, Bermudinhas, Camisetas, Regatas, Sainhas fitness (o famoso cobre bumbum, rsrs), Fitness Belt e muito mais:

O Enjoei é um site 100% seguro, vendo há mais de um ano por lá, dá pra parcelar ou pagar no boleto!

Ah, e no modo sacolinha, dá pra pegar várias peças pagando um único frete!!! Compensa muito! E as medidas das peças estão na descrição das mesmas, pra você poder comprar com segurança 🙂

Fazer exercícios e levar uma vida saudável já é uma delícia, e por que não fazer isso com roupas lindas e super confortáveis? Eu optei por isso há algum tempo e hoje tô toda toda, me curto e tiro mil selfies, hahaha! Minha auto estima está nas alturas e me sinto muito bem! Vem se sentir bem com a Lovelibe – Liberdade para vestir!

IMG_2627

Ontem tinha pizza pro jantar…

Padrão

Ontem tive um dia cheio. Fiz muitas coisas, trabalhei e tive aula de inglês. Fui jantar com meus pais e o menu eram duas pizzas enormes com borda de catupiry. O que vocês acham que eu fiz?

a) não comi a pizza, fechei a cara porque sou a revoltadinha da dieta, preparei uma salada de alface e comi sentindo o cheiro da mussarela quentinha;

b) chutei o pau da barraca, afinal “era pizza mesmo”, afinal “jacar é o fim do mundo” e “preciso comer 5 pedaços pra me sentir feliz”;

c) comi dois pedaços e me dei por satisfeita, depois treinei super bem e encerrei a noite feliz e satisfeita por ter tido um jantar agradável na companhia de pessoas que amo. Sem me sentir culpada, afinal faço dieta certinho, exercícios e não são dois pedaços de pizza que vão fazer eu recuperar todo o peso que perdi;

Se você escolheu a alternativa c), acertou!!! É assim que lido com as tentações, desde o início do processo de emagrecimento. Claro que pizza não é a opção mais saudável, claro que engorda (e muito), mas infelizmente meu corpo não criou automaticamente uma aversão a comidas que amo.

Já falei sobre as “jacadas” aqui no blog, e o quanto é importante não fazer disso um hábito e saber voltar ao foco. Restringir muito não vai te ajudar se você é como eu, uma pessoa que REALMENTE gosta de comer. E outra, não elimine o contato social por causa de uma dieta. Gente, é um processo lento, você não vai passar um tempão sem comer uma pizza com os amigos, uma feijoada com a família, um bolo na festa de aniversário do seu sobrinho… se você fez tudo certinho no restante do tempo, se permita um agrado. Sinta o sabor, aprecie. Não coma com culpa, CULPA ENGORDA.

20160818_193314

Depois da pizza, até o sorriso fica mais bonito, hahaha!

Essa foto tirei logo depois da minha jacadinha. Olha o sorriso da moça!

Fiz muitas alterações na alimentação esses dias. Desde que me recuperei da sinusite, passei a fazer refeições melhores e mais conscientes, mesmo que desacelerassem o processo de emagrecimento. Adotei a batata doce como componente essencial mesmo (e depois que aprendi a fazer em 3 minutos no microondas, ficou show, tem a receita aqui no blog!), coloquei ao menos um nutriente “poderoso” nas refeições (legumes e verduras) e passei a tomar muito mais água.

Estava muito na pegada de tapioca-biscoitos integrais, e esquecendo um pouco dos vegetais e minerais. A mudança foi muito bem-vinda: não desacelerou em nada o processo de emagrecimento, meu cabelo melhorou horrores, minha pele idem. E claro, me sinto infinitamente mais forte. E fazendo algumas trocas que o pessoal da maromba adota (o babado do frango com batata doce, por exemplo), o processo de emagrecimento parece mais fácil e mais eficiente, se não na balança, nas medidas. A foto que tirei ontem é um bom exemplo, achei que meu quadril diminuiu, e a barriga nem se fala!!!

Ajustes aqui e ali e nosso processo fica mais fácil, prazeroso e eficaz. Eu tô na luta há DOIS ANOS, já desanimei, animei, já engordei, já emagreci mas NUNCA voltei nem perto do que eu era antes, no corpo e na mente também.

Faça seu plano, organize-se, defina metas e seja COMPROMETIDO. Esqueça as desculpas. E você vai conseguir!!!

Corrida Night Run Etapa Rock and Roll

Padrão

Oi pessoal!

No sábado à noite participei de mais uma corrida noturna de 10k, a Night Run Etapa Rock and Roll! Optei por correr 10km e o circuito foi dentro da Cidade Universitária, percurso gostoso e bem planinho (até onde eu conhecia, kkk).

Dessa vez levei meu namorado junto pra conhecer esse mundo meio doido dos corredores. Chegamos lá, e como em toda corrida noturna, estava beeem cheio. Chegamos super cedo e não tivemos problemas pra entrar, mas algumas pessoas disseram que mais próximo ao horário de largada, ficou bem difícil pra alcançar a arena (fluxo grande de pessoas). Mas a arena estava bem bacana:

IMG-20160814-WA0015

Guarda-volumes sem filas, retirada de chip muito sossegada… um alívio, porque na meia maratona da Asics foi sofriiiido. Ah, e muitos muitos muitos banheiros químicos. Quem corre sabe que isso faz MUITA diferença, nada pior que atrasar largada porque ficou na fila esperando pra usar um banheiro nojento, rsrs. E não, não dá pra correr com vontade de fazer xixi, é uma tortura.

IMG-20160814-WA0013

A camiseta era preta, lindinha, manga comprida, bem no clima rock and roll… e deram um LEDzinho piscante nos kits, que fez um efeito super legal na largada, parecíamos um monte de vagalumezinhos!!!

Meus amigos Turtles compareceram também! Ficamos curtindo o som do showzinho de Rock que estava rolando, tava bem legal, muitos clássicos animando quem ia correr, até a hora da largada. Adoro esse tipo de corrida-show, muitas vezes nem aproveito muito, mas adoro o clima de festa!!!

IMG-20160814-WA0001

A largada foi bem tranquila, separada por pelotões. O percurso foi bem sossegado, mas dessa vez notei MUITOS, mas MUITOS CAMINHANTES. Não sei se pelo fato de ter tido 5km como opção, mas estranhei… sempre há pessoas caminhando, é normal e eu caminho também, mas iniciar a corrida caminhando eu acho meio estranho, parece que tira um pouco do sentido da corrida, sei lá.Se for uma Corrida & Caminhada, eu até entendo, mas não era o caso…

E também há o velho caso de muitos caminhantes não ficarem à direita e também sem formarem paredões (várias pessoas uma ao lado da outra, bloqueando parte da pista ou pasme – ela toda). Haviam VÁRIOS paredões, pessoas caminhando e conversando, o que dificulta muito o início pra quem quer correr o tempo todo. Desviar toda hora consome o corredor, e aumenta o risco de acidentes. Se quer caminhar, SEMPRE mantenha-se á direita, e se estiver em grupo, divida seus amigos em grupinhos de 2, até 3, e andem um atrás do outro, facilita a vida de todo mundo.

IMG-20160814-WA0016

 

Chegando ao km 4, uma subida não muito íngreme mas imeeensa, rsrs. Aquilo me custou, consegui subir correndo mas chegando lá em cima dei uma travada… puxei demais e tive que reduzir para não me comprometer na corrida nem depois. Quando o corpo PEDE um ritmo menor, NUNCA ignore. Isso pode custar um mal estar, uma lesão… sem contar que me recuperei recentemente de uma sinusite, tinha acabado de tomar os antibióticos na quinta-feira, então foi mais sábio fazer uma prova bem sossegada…

Completei os 10k, tava muito frio e isso também me castigou, mas deu pra fazer uma prova legal, haviam muuuitos pontos de hidratação e algumas  bandas de rock tocando em pontos estratégicos da prova, adorei essa parte!!! Anima um pouco ver não-corredores, rsrs. Cruzei a linha de chegada com alegria. Medalha na mão, hora de ir embora!

Agora tenho o Circuito Lotus dia 28/08, corrida exclusivamente feminina, ano passado participei. Vou tentar melhorar meus 10km e espero estar melhor em relação ao condicionamento físico e mais magra também, heheh. Será no dia seguinte a segunda pesagem do desafio dos dois meses e estou ANSIOSA pra ver mais resultados!!!

Palestra “Por que comer ficou tão complicado?”- Mindful Eating e Amigas Unidas Balança Vencida

Padrão

Oi pessoal!

Sábado fui a uma palestra muuuuito legal sobre alimentação. O grupo motivacional “Amigas Unidas Balança Vencida” – o mesmo que fez aquele treino bacanésimo de funcional no Ibirapuera, falei sobre ele aqui – Alquimia e Aulão de Funcional no Ibirapuera, procurem as meninas no facebook e no instagram – organizou essa manhã diferente. Comandado pela simpaticíssima Erika Rosa, o encontro foi realizado na academia E-motion, na Vila Olímpia, e a palestra foi ministrada pela Doutora Valéria Bordim, Nutricionista e Instrutora de Mindful Eating.

20160813_104516

Confesso que não sabia muito bem o que esperar. Sou Técnica em Nutrição e Dietética mas não exerço a profissão desde 2005, quando fiz meu estágio, rsrs. Não estou por dentro do que rola na área, só  sei que não queria ver nada sobre dietas ultra restritivas, soluções milagrosas (odeio isso), lavagem cerebral ou pirâmide dos alimentos, rsrs. Tive uma agradável surpresa ao ver que se tratava de uma introdução a um método de relacionamento com a comida, descobrindo suas reais necessidades e reconectando-nos a nosso corpo e os sinais que ele envia.

Prestem atenção nesse slide: COMENDO COMIDA DE VERDADE – tudo a ver com a abordagem do blog, né? Que delícia quando o universo envia pra gente coisas que tem a ver com o que a gente pensa/vive!

Além das informações valiosas sobre como se relacionar com a comida, tivemos 2 vivências relacionadas ao método que foram intensas: meditação, que amo de paixão e que ajuda muito a controlar minha ansiedade, falei sobre isso neste post, e um momento de intenso relacionamento com um BIS – isso mesmo, um delicioso chocolate BIS.

Foi uma experiência muito rica pra mim, que tenho um histórico de compulsão. A forma como me relaciono com a comida ainda precisa ser revisada constantemente, e essa palestra ampliou muito meus horizontes sobre o assunto. Quem quiser conhecer melhor o método, procure por VBNutri & Mindful Eating Brasil no facebook e @vbnutri no instagram, vale a pena! Penso em fazer os cursos agora, me interessei muito por essa abordagem: não tem restrição, não tem jejum (CREDO), não tem maluquice… é tudo relação mente-alimento. Ah, e tudo com EMBASAMENTO CIENTÍFICO, estudos e pesquisa. Isso pra mim é o mais importante. Fontes confiáveis. 

20160813_123806

Depois tivemos momentos de descontração com as meninas do grupo, que são umas fofas e super focadas. Gosto MUITO da idéia de grupos que se ajudam, isso faz muita diferença pra quem não tem apoio em casa, ou precisa de uma forcinha a mais. Meu caso é o segundo, e participar desses encontros e momentos me ajuda a ter mais forças pra continuar!

E depois… um coffee break que considerei um almoço, porque comi MUITO BEM:

20160813_123928

Deixei a foto beeem grandona pra vocês verem a delícia que foi. Oferecido pelo Fit Brasil Gourmet (procurem no face e insta também!), tinha coisas maravilhosas como coxinha fit, tortinhas fit, brigadeiro fit, lanchinhos, suquinhos detox nessas garrafinhas fofitas, cházinho de hibisco. Ah, esse bis solitário aí ficou de lado depois da vivência – ninguém quis, rsrs.

Foi uma manhã divertida e deliciosa, ganhamos um kit com vários lanchinhos gostosos no final, foi muuuuuito bom! Adorei e com certeza vou participar de outros encontros dessa turma. Tive várias idéias, abriu demais minha mente!!!

Uma das coisas que AMO nessa vida que levo agora é essa curiosidade e mente aberta pro NOVO, pra coisas diferentes… Antes eu era meio fechadona, tinha preguiça de conhecer coisas novas… hoje acordo cedo em pleno sábado de manhã pra me juntar a pessoas como eu, que querem se cuidar e levar uma vida melhor.

E no sábado a noite teve a Night Run Etapa Rock and Roll, 10km!!! Amanhã tem post sobre a prova e desempenho, que vocês tanto curtem! Tantos amigos queridos fazendo corridas por aí, é uma emoção muito grande poder fazer parte disso! Vamos juntos! Não pode parar!