Os 10 mandamentos da Reeducação Alimentar

Padrão

reeducacao-alimentar

  1. Honrará as 6 refeições diárias – Café da manhã, lanche da manhã, almoço, lanche da tarde, jantar e ceia
  2. Fará refeições principais (café da manhã, almoço e jantar) completas em nutrientes – 1 porção de carboidratos (arroz, batatas, macarrão, etc.), 1 porção de proteínas (carne, frango, peixe, queijo, presunto, etc.), gorduras do bem (azeite de oliva, óleo de côco, castanhas, etc.), 1 porção de vegetais (verduras, legumes, leguminosas, etc.). E fará os lanches com escolhas boas e conscientes (frutas, integrais, alimentos completos).
  3. Fará as refeições em ambientes adequados e com CALMA. Mastigará bem os alimentos, sentirá e redescobrirá sensações de sabor.
  4. Será criativo e curioso com as refeições: experimentará novos sabores sem preconceito, conhecerá diversos temperos, não deixará a alimentação cair na mesmice.
  5. Não restrigirá NENHUM GRUPO ALIMENTAR. Reeducação alimentar é uma mudança de hábitos para a vida inteira, não uma dieta da moda que você vai seguir por uns meses depois desistir. Comer todos os nutrientes necessários à vida (carboidratos, proteínas e gorduras), é garantia de boa saúde, energia e bem estar
  6. Se permitirá alguns pequenos prazeres: um doce de vez em quando, um chocolate, um salgado… mas são exceções, não hábitos. Restringir demais aumenta a ansiedade. Mas saiba que logo em seguida voltará ao foco!!!
  7. Beberá 8 copos de água por dia.
  8. Comerá com consciência e terá paciência para ver os resultados.
  9. Priorizará alimentos cozidos, grelhados, ensopados, assados. Reduzirá frituras, gratinados, empanados.
  10. Caso hajam JACADAS, aceitará o erro, reconhecerá e não desanimará jamais! Voltará ao foco assim que possível, com mais força e dedicação ainda, pra que esses episódios se tornem cada vez mais raros!!!

02076648200

Anúncios

Antes e depois

Padrão

cropped-inicialblog.png

Eu era feliz com alguns (muitos) quilos a mais… mas não conseguia subir escadas sem ficar ofegante, comia um monte de porcarias, me sentia muito mal de repente, tinha palpitações e formigamentos nas mãos e nos pés, gastrite, refluxo, não tinha disposição pra nada… decidi mudar hábitos: reeducação alimentar e atividade física foram decisivos pra que eu vencesse a obesidade. Hoje ainda estou na luta, o sobrepeso ainda é uma realidade, mas posso dizer que essas mudanças só trouxeram positividade pra minha vida. Além de emagrecer quase 30 quilos, me tornei corredora amadora e hoje sou meia-maratonista. A luta é diária e ainda não cheguei a minha meta, mas as melhoras que esse novo estilo de vida trouxeram pra minha vida são o que me motivam todos os dias a continuar, sem parar!

A volta do uso da cinta modeladora e o desejo pela cinturinha fina – o que fazer?

Padrão

Oi pessoal! Sempre atenta às novidades do universo fitness, principalmente via Instagram (segue o do blog, @marilianaopodeparar!!!) uma das propagandas que mais tenho visto por aí são as de cintas modeladoras:

bandwagon

Mas não apenas o uso para ficar mara naquele vestidinho justinho, mas tenho visto a indicação de usar DURANTE o exercício físico, com a justificativa de que melhora a postura durante a prática de exercícios e que potencializaria a diminuição da cinturinha.

Houve uma época da minha vida em que usei cinta pra ficar com cinturinha e posso dizer que QUASE MORRIA SUFOCADA de tão apertada que elas eram, e desconfortáveis também. Lembro que fazia faculdade de manhã e trabalhava à tarde, e ficava o dia inteiro apertada naquilo… nossa, eu era maluca… na época era moda fazer esse “tight lacing”, que consistia em usar corsets ou cintas por loooongos períodos pra afinar a cintura. Algumas pessoas que conheço fizeram por muito tempo e realmente ficaram com a cintura bem desenhadinha! Eu, pelo contrário, só gastei muitos reais e não ganhei nenhum cm a menos!!!

Agora, durante os exercícios me fica a dúvida… será que é bom? Não sufoca? Não fica desconfortável? Porque eu sou adepta da respiração profunda, abdominal, pelos ensinamentos da Yoga e Meditação, que trazem mais força e concentração, imagina fazer uma inspiração abdominal com a cinta apertando…? Não sei se rola…

Bom, mas não experimentei esse novo modelo pra saber… vamos dar a palavra a especialistas:

“O cirurgião plástico Marco Cassol, membro da Sociedade Brasileira de Cirurgia Plástica, explica que o corpete afina a cintura na medida em que a deixa mais alta ao apertar a região, moldando o corpo através da compressão e podendo realmente gerar uma mudança na modelagem do corpo a longo prazo. No entanto, seu uso não é recomendado durante a prática de exercícios. “A pessoa até consegue respirar, mas não ventilar. É perigoso”, alerta.

Riscos da cinta abdominal

O principal problema causado pelo uso da cinta para academia é que se ela estiver muito apertada pode gerar atrofia da musculatura das costas. “Eles não conseguem contrair, ficam excessivamente relaxados. É como engessar a perna e o efeito pode ser permanente”, explica.

Essa atrofia da musculatura pode fazer também com que a pessoa desenvolva hérnia de disco, dores na coluna, entre outros problemas. “A cinta acaba trazendo uma compressão na parte inferior do tórax e isso leva a uma restrição respiratória, que pode levar a uma insuficiência quando o uso é muito exagerado. Isso pode levar a uma narcose carbônica e o paciente apaga, desmaia”, afirma.”

FONTE: http://www.vix.com/pt/bdm/corpo/cinta-para-malhar-e-afinar-cintura-funciona-saiba-como-ela-transforma-seu-corpo

Hummmmm, entendi!

Mas permanecendo no assunto cinturinha fina, o que podemos fazer? Bom, quando comecei a emagrecer pra valer, eu estava com um big barrigão e a cintura sem demarcação. O que me fez ganhar bastante cintura foi fazer MUITO aeróbico (combo caminhada, corrida, transport e bicicleta), alguns (muitos) abdominais, principalmente os que atingem a região das laterais, e que ajudam a demarcar. Pra quem não tem tempo/saco pra fazer intermináveis séries de abdominais, eu recomendo a prancha lateral, que é um exercício simples e eficaz:

prancha-lateral

Ficar 30 segundos nessa posição já faz toda a diferença

A corrida também é uma grande aliada, porque demanda muito esforço da região abdominal e diminui consideravelmente a barriguinha.

Outra coisa que uso e que fez diferença é a BATATA DOCE. Gente, esse alimento é tudo de bom!!! Achei que a pochete deu uma bela diminuida depois que adotei na alimentação!!! Principalmente no pós-treino! Hoje, dificilmente não uso roupas justas, o que evitava sempre por causa da pancinha… hoje ela quase não se sobressai… lógico que estou a anos-luz de um tanquinho, mas sou realista e sei que o que veio foi LUCRO TOTAL!!!

Portanto, antes de se jogar nas cintas ou corpetes, tente mudar alimentação e hábitos. Acho que é menos desconfortável!!! Hahahah! Deixa a cinta pra arrasar naquele vestidinho, apenas por algumas horinhas, ok?

E o #npp96 chegou ao seu 60º dia!!! Dois terços já se passaram, e fazendo uma pesquisa entre as inscritas, muitas meninas perderam peso nesse período!!! A média entre as que reduziram foi entre 2 a 3 quilos, o que me deixa imensamente contente!!! Uma perda de peso saudável e constante é muito melhor!!! Até o final do anos quero ver mais resultados!!! E não vamos parar, ok?

 

Por que as pessoas estão treinando de “botinhas”?

Padrão

Oi pessoal!

Eu sou A LOUCA DO INSTAGRAM (o do blog é @marilianaopodeparar e o meu pessoal é @marilialib, me sigammm), adoroooooo e sigo um moooonte de páginas fitness, porque adoro ver como as pessoas treinam, quais as variações e gosto de ver treinos bem pesados, me inspirar, já que sou uma franguinha mesmo com 2 anos e meio de treino.

Aí sempre fico de olho nos looks, já que tenho loja fitness (clique aqui pra conhecer, hehehe) e notei que algumas moças estavam usando tênis estilo botinhas pra treinar e fiquei um pouco confusa. Aí passei a ver direto na academia também, e fiquei me perguntando se era seguro… porque esses tênis têm o solado beeem plano, não têm quase amortecimento, e se não fariam mal pra quem treina…

botinha-everlast-jump-f-20160430222621

Achei que tinha motivação estética, uma certa inspiração no vestuário do boxe, mas ontem li um pequeno artigo na página do Facebook Moldadas a Ferro  que achei interessante e sanou minha dúvida:

“Conheça um pouco mais das vantagens do calçado de solado flat, pra treino de pernas:

Ajuda a trabalhar os músculos dos membros inferiores, de uma forma geral, sem sobrecarregar um grupo muscular mais do que os outros; o que pode acontecer quando se usa um tênis que deixa os calcanhares mais elevados (como tênis de molas ou com amortecimento).
Melhora a execução do exercício, permitindo maior amplitude; devido a ausência do solado mais alto.
Proporciona maior estabilidade, evitando pequenas lesões; por deixar o pé encostado no chão, por inteiro.
Outra opção, não muito usada agora, mas muito usada antigamente é treinar pernas descalço. Por que vocês acham que o rei Arnold Schwarzenegger treinava sem tênis?

By Mulheres de aço blog”

Entendiiiiiii… eu costumo treinar com meus Asics velhos de guerra, que são famosos pelo amortecimento excelente, então não são tênis nada planos… e de fato, quando vou fazer agachamentos, acho que o calcanhar mais “elevado” deles impede um pouco o quadril de descer mais.

Mas, pra quem também faz aeróbico, eles não são muito indicados. Apesar de tênis minimalistas, super leves, (como os da linha Boost da Adidas), serem uma tendência nas pistas, estes são desenvolvidos com design pra otimizar a corrida. Acredito que as botinhas sejam mais indicadas pra pessoas que treinam focadas em desenvolvimento de massa muscular intenso, que fazem pouco aeróbico…

Quem faz treino com esse objetivo, pode considerar a idéia, então!

 

Os 10 MELHORES alimentos do mundo

Padrão

Em contraponto ao último post, falo hoje sobre os MELHORES alimentos do mundo! Não são os mais saborosos, senão essa lista seria encabeçada por churros, nutella, arroz feijão bife e batata frita, farofa, churrasco… mas sim os mais completos nutricionalmente!!! Vale a pena ler e tentar inserir mais no cardápio:

liga-post-top-10

Com a palavra, os especialistas:

“1 – Maçã
As maçãs são uma excelente fonte de antioxidantes, que combatem os radicais livres, substâncias geradas no corpo que causam alterações indesejáveis e estão envolvidos no processo de envelhecimento e algumas doenças.
Alguns estudos com animais constataram que um antioxidante encontrado em maçãs(polifenóis) pode prolongar a expectativa de vida. Outro estudo descobriu que as fêmeas adultas que regularmente comem maçãs tinham um risco 13% a 22% menor de desenvolver doenças cardíacas.

2 – Amêndoas
As amêndoas são ricas em nutrientes como ferro, cálcio, vitamina E, fibras, riboflavina e magnésio. Uma revisão científica publicada na Nutrition Reviews no ano passado descobriu que as amêndoas como alimento podem ajudar a manter níveis saudáveis de colesterol. Isso se deve ao alto teor de ácidos graxos insaturados.

3 – Brócolis
O brócolis é rico em fibras, ácido fólico, cálcio, potássio e fitonutrientes. Os fitonutrientes são compostos que reduzem o risco de desenvolver doenças cardíacas, diabetes e alguns tipos de câncer.Também contém betacaroteno, um excelente antioxidante, assim como a vitamina C.
Se a enzima mirosinase não for destruída durante o cozimento, o brócolis pode também reduzir o risco de desenvolver câncer. A melhor maneira de cozinhar e preservar a mirosinase é no vapor – se for cozido demais, os efeitos benéficos do vegetal pode ser seriamente comprometidos, dizem os pesquisadores da Universidade de Illinois que publicaram este estudo na Nutrition and Cancer.
Outro ingrediente do brócolis, o sulforafano, também tem ação anti câncer, bem como propriedades antiinflamatórias de qualidade. No entanto, o excesso de cozimento também pode destruir a maioria dos seus benefícios.

4 – Mirtilo
O mirtilo é rico em fitonutrientes, antioxidantes e fibras.
De acordo com um estudo realizado na Harvard Medical School, os idosos que comem mirtilos (e morangos) são menos propensos a sofrer de declínio cognitivo, em comparação com outras pessoas da sua idade que não. Outro estudo realizado por cientistas da Universidade do Texas descobriu que eles ajudam a combater a obesidade. Polifenóis vegetais, que são abundantes em mirtilos, tem-se mostrado capazes de reduzir o desenvolvimento de células de gordura (adipogênese), enquanto induzem a quebra de lípidos e gordura (lipólise). O consumo regular de mirtilo pode reduzir o risco de sofrer de hipertensão em 10%, por causa de compostos bioativos, as antocianinas, cientistas de East Anglia University, da Inglaterra, e da Universidade de Harvard, EUA publicaram o estudo no American Journal of Nutrition. O consumo de mirtilo também tem sido associado com um risco menor de endurecimento de artérias e doenças intestinais. A fruta também tem sido associada a ossos mais fortes em estudos com animais.

5 – Peixes ricos em ômega-3

Salmão, truta, cavala, arenque, sardinha e anchovas, são exemplos de peixe ricos em ácidos graxos ômega-3. Estes óleos são conhecidos por proporcionar benefícios para o coração, bem como para o sistema nervoso. São também conhecidos por fornecer benefícios para os pacientes com doenças inflamatórias, como a artrite. Estes peixes também são ricos em vitamina A e D. Cientistas da UCLA Jonsson Comprehensive Cancer Center descobriram que a progressão do câncer de próstata foi significativamente desacelerado quando os pacientes fizeram uma dieta de baixa gordura com suplementos de óleo de peixe. (http://www.medicalnewstoday.com/articles/236755.php)

6 – Vegetais de folhas verdes

Estudos têm demonstrado que uma alta ingestão de vegetais de folhas escuras, como espinafre ou couve podem diminuir significativamente o risco de uma pessoa desenvolver diabetes tipo 2.
Pesquisadores da Universidade de Leicester, na Inglaterra, disseram que o impacto dos vegetais verde-escuros sobre a saúde humana deve ser mais investigada, depois que eles recolheram dados de seis estudos.
O espinafre, por exemplo, é muito rico em antioxidantes, especialmente quando não cozido, no vapor ou levemente cozido. É uma boa fonte de vitaminas A, B6, C, E e K, bem como o selênio, niacina, zinco, fósforo, cobre, ácido fólico, potássio, cálcio,betaína, manganês e ferro.

7 – Batata doce
A batata doce é rica em fibras, betacaroteno, carboidratos complexos, vitamina C e vitamina B6 e caroteno (que confere sua coloração). O Centro de Ciência no Interesse Público, EUA, comparou o valor nutricional da batata-doce com outros vegetais.
A batata doce foi classificada como número um, quanto às vitaminas A e C, ferro, carboidratos complexos, proteínas e cálcio.

8 – Gérmen de trigo
O gérmen de trigo é rico em várias nutrientes essenciais, tais como a vitamina E, ácido fólico (folato), tiamina, zinco, magnésio, fósforo, bem como ácidos graxos essenciais. É considerado uma bos fonte de fibras para a dieta.

9 – Abacate
Muitas pessoas evitam os abacates devido ao seu alto teor de gordura, pois eles acreditam que, para evitar todas as gorduras leva a uma melhor saúde e um controle de peso corporal – isso é um mito. Aproximadamente 75% das calorias do abacate são provenientes de gordura, gordura monoinsaturada em sua maioria. Abacates são também muito ricos em vitaminas do complexo B, bem como a vitamina K e vitamina E.
Têm um teor de fibras muito elevado de 25% solúvel e 75% de fibra insolúvel. Estudos têm demonstrado que o consumo regular de abacate reduz os níveis de colesterol no sangue.
Pesquisadores da Ohio State University descobriram que os nutrientes extraídos do abacate foram capazes de impedir o crescimento das células do câncer de boca, e até mesmo destruir algumas das células pré-cancerosas.

10 – Aveia
O interesse na aveia tem aumentado consideravelmente nos últimos vinte anos por causa de seus benefícios para a saúde. Estudos têm mostrado que se você comer aveia todos os dias os seus níveis de colesterol no sangue, especialmente se eles são altos demais, vão cair,pelo seu conteúdo de fibra solúvel.
A aveia é rica em carboidratos complexos, bem como fibra solúvel em água, cuja digestão lenta ajuda a diminuir e estabilizar os níveis de glicose no sangue. É muito rica em vitaminas do complexo B, ácidos graxos ômega-3, folato e potássio.

Fonte: Christian Nordqvist. “What Are The Top 10 Healthy Foods?.” Medical News Today. MediLexicon, Intl., 10 May. 2012. Web.14 May. 2012.

Autora: Dra. Cristiane Spricigo: Nutricionista especialista em nutrição esportiva e funcional (Goiânia-GO)”

Site: http://www.ecologiamedica.net/2012/05/top-10-alimentos-saudaveis.html

Muito legal, não é? Alguns aí eu já faço uso, como as folhas verdes, o brócolis, a batata doce, e posso dizer que realmente fazem a diferença. Não apenas no âmbito da saúde, mas no bem estar em geral, são alimentos que saciam, dão uma sensação boa, não pesam… isso pra mim, hoje em dia, faz a maior diferença…

Amêndoas eu não curto muito, tento colocar algumas oleaginosas no lugar, como castanhas, que eu amo!!! Maçã eu comia direto antes e preciso voltar ao hábito, porque além de ser saudável, é uma delícia!

Vamos colocar alguns desses alimentos na nossa dieta? Aproveitar que além de completos nutricionalmente, ajudam a fazer a manutenção do peso? Vamos aproveitar que é segunda feira e arrasar na alimentação saudável até o fim deste ano? Eu tô dentro, e vocês? Nã0 pode parar!

 

Os 10 piores alimentos do mundo

Padrão

Oi pessoal!

Hoje vi essa imagem num grupo de emagrecimento do Facebook e achei interessante pra compartilhar com vocês:

i312084

Esses seriam os 10 piores alimentos do mundo em termos nutricionais. Já mencionei aqui várias vezes que, atualmente, não me atento apenas a quantidade de calorias, mas sim a qualidade nutricional do que como. Não adianta nada chegar a meta de peso sem saúde, sem pele boa, sem brilho no olhar, sem cabelo saudável, unhas bonitas… sério, eu acho que agora a busca é mais pelo bem estar como um todo do que por uma barriga tanquinho.

Não me surpreende o primeiro lugar ser do refri diet. Ele não tem absolutamente nada de bom. Eu não sou hipócrita e digo que AMO refrigerante do fundo do coração e sempre vou amar, mas tenho maturidade pra saber que ele não me acrescenta nada, por mais diet que seja, prefiro tomar um suco que tem mais calorias do que uma bebida que só vai me inchar.

Os outros alimentos, dificilmente como também. Mas adoro sorvete, e me deixa triste saber que é tão ruim assim, kkk! Salgadinhos também são minha paixão, mas nem me atrevo a comprar porque sei que só fazem mal…

Achei interessante pra a gente rever algumas jacadinhas que a gente dá de vez em quando e nem percebe que, além de engordarem, esses alimentos prejudicam a nossa saúde.

E ai? Hoje é quarta, pós feriado, e falta um mês e meio pro final do ano! Que tal antecipar as promessas de 2017 pra perder peso e começar AGORA? Um mês e meio é MUITO TEMPO, gente! Dá pra perder algum peso e ainda começar 2017 com o pé direito pra uma mudança total!!! Eu estou nessa a 2 anos e meio e não quero outra vida não!!! Quem vem comigo? Não pode parar!