Seven Run, limites e o melhor gel de carboidrato da VIDA!

Padrão

Oi pessoal!

Desculpem o sumiço, ainda estou me recuperando do braço machucado mas não parei! Estou sempre lá no instagram do blog (@marilianaopodeparar, me segue lá!), e posto sempre coisinhas, treinos e dicas.

Há algum tempo me inscrevi para correr os 21km da Seven Run, uma corrida organizada pela Iguana Sports, a qual sempre aprecio pela qualidade das corridas. Super me empolguei porque tratava-se de uma Meia Maratona noturna, inédita! Eu adoro correr à noite e o clima das corridas noturnas é sensacional! Comecei bem a planilha de treinos pra me preparar pros 21k mas tive não 1, não 2, mas 3 problemas de saúde em sequência! Foi péssimo pro emagrecimento planejado, pros treinos e pra minha confiança em geral. 21k exige muito da gente… é um percurso longo e custoso. Sou uma pessoa bem realista, e, a 15 dias da prova, já sabia que talvez tivesse que repensar os 21k.

Com o passar dos dias, o braço melhorou, mas fui ao ortopedista semana passada pois ainda estava um pouco inchado. Nisso, os exames ficaram pra essa semana e a prova era sábado! Não queria desistir e tinha conseguido fazer alguns treinos de corrida pois o braço não estava doendo. Acabei decidindo ir correr, nem que fossem apenas 7km, a distância mínima.

Peguei o kit no shopping Bourbon, em menos de 5 minutos (a Iguana é sempre rápida nas entregas, nunca tive problemas). Postei um vídeo do kit no insta do blog, onde mostrei que era composto de camiseta, gymsack e número de peito, além do desconto nos produtos da Centauro, onde retiramos. Nada de cesta básica, rsrs. Mas, pelo valor que paguei e pelas distâncias oferecidas (7, 14 e21km), a qualidade da camiseta (we love Poliamida!), achei que valeu a pena. Paguei 109 reais.

A prova foi na USP, num percurso que conheço muito bem. Não vou dizer que é meu preferido, pra ser bem sincera acho até um pouco entediante porque não tem “muita coisa acontecendo”, rsrs. É dentro da Cidade Universitária e a paisagem não muda muito, dá umas voltas e o final é bem cansativo.

Arena super ok, guarda volumes sem filas, banheiros tranquilos (e com papel, tks god!). Vários Food Trucks e painéis bacanas pra fotos, com tintas neon pra pintar e pintar o rosto também, rsrs. Largamos numa boa, sem muitos caminhantes, uma vantagem das provas que tem mais de 5km. Dificilmente formaram-se paredões, acho que não vi nenhum! Isso foi excelente! As avenidas da Cidade Universitária são bem amplas, o que facilita a distribuição dos corredores.

Corri bem até o sétimo km. Contei no instagram com mais detalhes, mas o que aconteceu foi que o braço inchou e fiquei com medo de piorar. É muito, muito difícil correr com o braço inchado, parece que pesa uma tonelada! Decidi que ia correr só 14km. Ia ser muito difícil, mas nem que precisasse terminar a prova rastejando, ia ao menos tentar. E a partir daí, foi um sofrimento só, rsrs. No km 11, parei perto da placa e pensei “preciso descansar”. Abri uma paçoca que minha amiga Ana me deu antes da prova (sim, a gente COME durante a prova, kkk) e tirei uma selfie. Não, não atrapalhei ninguém porque só tinha eu, dois rapazes e um senhorzinho na pista. Todos ACABADOS, rsrs.

18738872_1591774517499201_5171861657492528882_o

Depois, pra me animar e aguentar o resto, tinha levado um gel de carbo que comprei na Ultrafitness, da marca Gu. Já tinha ouvido vários elogios a essa marca e em uma das corridas, experimentei um de limão e gostei bastante. Comprei um de chocolate pois o coração pede coisas de chocolate:

gu

MAS GENTE, O NEGÓCIO É GOSTOSO DEMAIS! Parece uma sobremesa! Muito docinho e pouco enjoativo, além de dar um gás muito bem-vindo! Amei! Pena que é caro pra burro, paguei 8 reais num sachêzinho. Mas acho que vou investir numa caixinha pra provas longas, vale a pena o gostinho.

Terminei a prova depois de 150 anos intercalando trote, corrida e umas caminhadinhas curtas porque tava TENSO. Não passei mal nem senti nada, mas o braço encheu o saco. Não vou dizer que foi ruim, porque eu adoro correr e todas corridas pra mim tem seu brilho. Mas fácil não foi.

18738491_1591195764223743_122719019979173908_o

Depois da prova, rolou um bem-vindo showzinho de Rock na arena. Deu pra relaxar enquanto esperava minhas amigas encerrarem os 21k, comer umas coisinhas e ouvir um som. Prova padrão Iguana, super aprovada!!!

Mês que vem tenho a Up Night Run lá no Vale do Anhangabaú. Serão 10km no Centro da cidade e quero estar bem melhor pra tentar bater meu tempo nos 10km. Essa inscrição foi uma pechincha, 30 reais! Pena que já estão encerradas. Em julho penso em correr a Sp City Marathon, em 21km, isso se o braço estiver ok. A meta é sempre correr uma corrida de rua por mês, e adoro essa rotina! As corridas ajudam a me manter motivada e disciplinada nos treinos.

E é por isso que meu lema é NÃO PODE PARAR! Comecei essa vida há quase 3 anos e pensei que fosse logo desistir, que era fogo de palha, mas simplesmente VICIEI nessa rotina, virei uma entusiasta dos exercícios físicos e hoje isso faz parte da minha vida! Amo! E se você quer começar também, conte comigo e com o blog pra te ajudar! Vamos juntos! Não pode parar!

Anúncios

Deixe um comentário

Preencha os seus dados abaixo ou clique em um ícone para log in:

Logotipo do WordPress.com

Você está comentando utilizando sua conta WordPress.com. Sair / Alterar )

Imagem do Twitter

Você está comentando utilizando sua conta Twitter. Sair / Alterar )

Foto do Facebook

Você está comentando utilizando sua conta Facebook. Sair / Alterar )

Foto do Google+

Você está comentando utilizando sua conta Google+. Sair / Alterar )

Conectando a %s